Dicas de cervejas para beber na Primavera

A primavera esta aí e, com ela, chegaram os dias mais longos e coloridos. Não sei vocês, mas esse clima me deixa mais animada e com uma vontade danada de abrir aquela cerveja no fim do dia.

Para facilitar sua vida, trouxe aqui OITO dicas de cervejas mineiras que combinam com essa estação deliciosa!

Anota ai:
–  Abaporu – Cervejaria Verace – Estilo Catharina Sour: leve, refrescante, ácida e leva frutas.
– Lemon – Slod – Estilo American Wheat: Refrescante, cítrica e aromática.
– Áustria Hefe Weizen – Krugbier – Estilo Weiss (Cerveja de Trigo): refrescante, pouco amarga, com aroma remetendo ao cravo e banana.
–  Sapiens – Rupbeer – Estilo American Pale Ale (APA): equilibrada e com médio amargor.
– Session Citra – Wäls – Estilo Session IPA: leve, porém com a presença do lúpulo trazendo notas cítricas marcantes.
– Rancor – Krugbier – Estilo India Pale Ale (IPA): Aromática, refrescante, lupulada e amarga.
– Newbie – Prussia Bier – Estilo New England IPA: superaromática, frutada e alcoólica.
– Monasterium – Falke Bier – Estilo Tripel: intensa, encorpada, frutada e alcoólica.

Mas, como sei que a maioria dessas cervejas não se acha em todo o Brasil, convidei a sommelière, Carol Jandoso*, para dar umas dicas gerais de cervejas ideais para se tomar na primavera!

Confira!

carol

As estações do ano influenciam muito nos nossos hábitos. Aquela sopinha de legumes do inverno já não parece tão apropriada para os dias ensolarados como os que estamos vivendo e aquela Imperial Stout deliciosa, com a chegada da primavera, está dando espaço para cervejas mais leves e refrescantes.

Essa sazonalidade não é de hoje. Os Bávaros têm orgulho de dizer que a cerveja é item indispensável em sua alimentação diária e que a única coisa que muda com o tempo é o tipo de cerveja escolhida, dependendo da estação, claro. No verão, as Weizenbier estão por todas as partes, espalhando seus aromas frescos de banana e cravo e refrescando o paladar com sua efervecência. O outono traz cervejas um pouco mais escuras e levemente mais potentes. Com a diminuição das temperaturas há um aumento no teor alcoólico, no início do inverno, os Bávaros escolhem Bocks para a ceia de Natal e nos dias mais frios embalam as noites com densas Doppelbocks. Agora, na primavera, é época das cervejas de outubro, as Oktoberfest.

A primavera chega renovando as coisas e trazendo com ela as Maibocks, uma bock clara, cerveja um pouco mais sequinha que as bocks escuras e que podem apresentar um perfil de lúpulo floral delicado e sútil.

Como pensar em primavera sem lembrar de flores e frutas aromáticas? É quase uma sinestesia, um cheiro colorido.

Historicamente os cervejeiros foram adaptando suas levas para oferecer o produto sensorialmente mais adequado para as condições climáticas, e por sua vez as condições climáticas influenciavam nas características sensoriais do produto. Temos como exemplo disso as Lambics que tradicionalmente são produzidas durante o inverno para consumo na primavera e no verão. As temperaturas amenas no início do inverno permitem a fermentação espontânea mais controlada, gerando uma cerveja mais agradável. Se o Master Blender for bom, o cervejeiro responsável pelas combinações de diferentes levas de Lambic para atingir a combinação perfeita, teremos uma cerveja refrescante e muito propícia para os dias mais quentes da primavera.

Agora vamos ao que interessa! Depois de todo esse papo de história da cerveja já estou com sede!

É com a acidez das Lambics que gostaria de começar as minhas indicações. Uma Fruit Lambic, como uma Kriek (cerejas), por exemplo, é uma ótima acompanhante para degustar com um chocolate branco, limpando o paladar e complementando o chocolate, dando a sensação de uma trufa de frutas vermelhas.

Ainda na temática “azedinhas” temos o primeiro estilo brasileiro, as Catharinas Sour, que são cervejas ácidas que levam frutas aqui das terrinhas tupiniquins. Uma boa cerveja desse estilo é capaz de acompanhar um queijo brie, neutralizando um pouco a gordura e a fruta escolhida funcionará como uma geleia, tipicamente servida junto ao queijo.

Mas nem só de acidez se vive uma primavera. Se você não abre mão de um IPA pode se aventurar tanto no mundo das Session IPAs, versões mais contidas de seu estilo original, quanto pode enveredar nos caminhos das ultra-aromáticas New Englands. Nessa categoria, encontramos cervejas tão cheirosas que muitas vezes, de olhos fechados, fica complicado identificar se é um suco de frutas tropicais ou uma cerveja. Aqui, só devemos tomar cuidado com o teor alcoólico, às vezes, uma cerveja muito potente, pode ser difícil de degustar nos dias mais quentes.

Pra finalizar, gostaria de dizer para que deixe sua imaginação fluir e seja levado pelos mais diversos estilos e sensações, faça suas apostas e avaliações. Para isso, vou deixar mais algumas dicas:

– Se está buscando acidez e refrescância, fora as Lambics e as Catharinas, aposte por exemplo em uma Gose, salgadinha e azedinha.

– Se as notas cítricas e resinosas te agradam mais, aposte em Session IPAs, Americans IPAs, White IPAs, NEs, APAs.

– Se você for um fã incondicional da escola Belga, pode escolher passar um momento ao lado de uma boa Saison, Blonde Ale ou Belgian Pale Ale, com suas inconfundíveis notas de condimentos e frutas.

– A Escola Alemã também é uma ótima opção quando estamos falando de cervejas leves. Estilos como Kölsch, German Pils, Bohemian Pilsner e Münich Helles são boas opções para a nossa primavera.

– Se você é um amante das cervejas de trigo, pode continuar degustando da sua Weiss em seu copão e, se quiser variar, pode apostar em uma Witbier ou American Wheat Beer e adicionar citricidade e um pouquinho mais de refrescância.

É isso! Lembre-se de se permitir testar e escolher seus estilos prediletos e não deixe de me contar como foi a experiência!

* Carol, além de Sommelière, é Bióloga e Mestre em Estilos. Nascida em Piracicaba, já trabalhou com produção de cervejas, treinou equipes de diversos bares e restaurantes, promoveu cursos e degustações guiadas e viajou por mais de 20 países, sempre buscando novas experiências e sabores que a fermentação pode oferecer. Veio para BH recentemente em busca de conhecer a cena cervejeira do que chamam de “a Bélgica brasileira”. Confira seu insta: @carolsommelier!

Espero que tenham gostado e aprendido um pouco mais sobre este vasto mundo das cervejas artesanais. 

#TBT: Cervejaria Grolsch – Parrilla – Tango no Café Tortoni

grolschE esse cenário?

Tomei essa na sacada do hotel, em Buenos Aires, no início de uma noite de outono.  🍁

🍺Essa é a Premium Lager – da @grolsch_global (Holanda). Seu sabor é leve, refrescante e muito marcante, com destaque para o malte e o lúpulo. Ela é uma bebida maturada durante mais tempo que as demais, um dos motivos que a torna uma cerveja diferente das outras, mais encorpada.


O prato do dia é um pouco diferente…rs. Rim de boi. Pedimos por pura curiosidade. Mas não gostamos muito, tem gosto de carne ruim.

rinones

20180413_233620

Comemos em um restaurante que chama Parrilla La Barata. As porções lá, realmente, têm preços bem baixos.

Para compensar os rins, pedimos uma parrilla típica argentina com fritas caseiras. Ufa! Aiii sim!

parrilla

parrilla argentina


E, para finalizar meus #tbt na Argentina (sim, é o último), nada mais justo que colocar como ponto turístico o Tango da Casa Café Tortoni.

café tortoni

tango

A dança é considerada um importante símbolo cultural desse país. Mesmo eu, que não gosto de dança, achei incrível a apresentação. É uma mistura de dança, música com teatro que transmite sensualidade, paixão e tristeza. Muito bacana.tango

20180412_200107

The end!

 

Onde Beber: Tomando Krug Bier no bar exclusivo da cervejaria em BH

Atenção: Estabelecimento Fechado Permanentemente. Hoje, o bar da Krug funciona na Savassi e chama Estação Krug.

A dica de Onde Beber Artesanal de hoje é uma casa já tradicional em BH. Aberta em 2009, a Choperia Krug Bier Major Lopes, é a casa da Cervejaria Krug Bier na capital.

20191230_202104

O local: Excelente lugar para happy hour, por lá encontram-se muitos jovens curtindo o fim do dia com os amigos, adultos, casais e famílias aproveitando a noite.

choperia kurg bier

O espaço é bem grande. Tem a parte interna e a varanda, que é o local mais concorrido. A decoração é bem bacana, super Krug Bier…rs

krug

choperia bh

Para beber: São diversas torneiras jorrando chopes da Krug Bier.

A diversidade no cardápio é bem grande: Cristal (chope tradicional, leve, puro e cristalino), Krug 20 (pilsen com sabor mais intenso), Export (chop encorpado, com sabor de malte e nível de amargor mais elevado), Golden Ale (sabor frutado e amargor baixo), Dunkel (escuro e com uma leve nota de café. Sabor intenso e amargos baixo), Weizen (feito em parte com trigo maltado e sabor marcante de cravo e banana) e o Chope Especial – que era a IPA no dia (mais amarga, com aroma e sabor marcante).

Quando fui, só tinha o Pilsen, Kurg 20 e IPA. Mas, como já conheço todos os estilos do cardápio, posso falar que são todos excelentes. Peça qualquer um de olho fechado. Qualidade nota 1000!

chope kurg bier

Os chopes são vendidos nos tamanhos Tulipa (R$8,00), Caneca (R$13,00) e Canecão (R$15,00). Com exceção do Chopp Especial, que possui preços diferenciados Tulipa (R$13,00), Caneca (R$17,00) e Canecão (R$21,00).

Para quem não é da cerveja têm diversas opções alcoólicas.

Para comer: o cardápio tem uma variedade boa, para muitos gostos.  Têm Entradas (como pasteizinhos), Petiscos (como picanha com fritas), Pratos à la carte que servem 2 pessoas (como filé de tilápia), Especialidades Alemãs (como joelho de porco), sanduíches e sobremesas. Ufa! Os valores variam entre: R$15 a R$95.

file com fritas

A casa tem muitas promoções bem convidativas durante a semana, alguns dias têm músicas ao vivo, fora algumas festinhas diferentes aos finais de semana. A programação é extensa e eclética, por isso, é bom ficar atento às redes sociais deles.

Eu gosto bastante da casa, pois me sinto muito à vontade. O atendimento é ótimo.

chope

Só tem dois pontos negativos: o banheiro fica no 2º andar. É super desconfortável ter que subir aquela escada para chegar ao banheiro. O outro ponto, foi em relação à última vez que fui, pode ser que tenha sido somente esse dia, mas havia apenas 3 tipos de chopes disponíveis, no final da noite só tinham dois (Cristal e Kurg 20, ou seja, só pilsen). Sugiro ter mais opções, por motivos óbvios.

Recomendo e voltaria, porém, conferiria antes para saber se todos ou a maioria dos chopes estão disponíveis no dia. 😉

Pega mais essa dica ai e seja feliz, com chope de qualidade!

Krug Bier Major Lopes
Rua Major Lopes, 172 – São Pedro

Belo Horizonte – MG
Instagram: @krugmajor

Mr. Hoppy e Porks Tiradentes: Um combo de puro chope, burguer e porco

A dica que vou dar hoje, no Onde Beber Artesanal, é um combo de 2 em 1, com dois lugares super descolado e que ficam colados: o Mr. Hoppy Beer & Burger e o Porks – Porco e Chope.

20191012_220525

Vou falar aqui das unidades da Praça Tiradentes, já que tanto o Mr. Hoppy quanto o Porks têm três unidades espalhadas por BH.

Os dois bares têm a mesma proposta e você pode caminhar livre entre eles. Pegar bebida em um e comida em outro ou vice-versa. O espaço é o mesmo, inclusive o dono é o mesmo. O que vai variar é o cardápio e os chopes plugados.

A proposta das duas casas é possuir um cardápio reduzido, sem garçons, para que seja possível adotar preços mais acessíveis.  A forma de atendimento é o autosserviço. Os clientes fazem os pedidos de comidas e bebidas no balcão, realizam o pagamento e retiram a bebida ali mesmo. Somente a comida que é entregue na mesa. O garçom procura pelo seu número, se não achar, grita seu nome e você dá sinal de vida para receber a comida. Não é a melhor forma de atendimento, mas se for pra baratear, que assim seja!

20191012_210328

O local: O espaço fica bem na esquina, onde espalham mesões compartilhados e tambores com banquetas por toda calçada. Além disso, dentro do Mr.Hoppy têm mesas também.

20191012_210746

Pode passar lá qualquer dia, à noite, que está lotado. A trilha sonora é o rock e blues ao vivo (em alguns dias), sem cobrança de couvert artístico ou entrada e 10% (já que é tudo na rua mesmo).

20191012_205526.jpg

20191012_210503.jpg

Para comer: O Mr. Hoppy oferece 6 hambúrgueres, sendo que 2 deles a R$ 10 (como eles gostam de chamar: 10ão). Mas não têm muitos ingredientes como o Classic Salad Burguer (blend de 120g, maionese, rúcula, cebola-roxa, tomate e queijo muçarela). Os outros variam entre R$12 e R$15. Se o cliente quiser, pode dobrar a carne bovina ou vegetariana por mais $8. Além dos hambúrgueres existem alguns tira-gostos: French Fries (Batata frita palito – R$8,00), Crazy Fries (Fritas com cheddar e bacon – R$12,00) e The Lord of the Onion Rings (Anéis de cebola com molho BBQ – R$10,00), além da sobremesa que é o mini churro Dona Florinda de Doce de Leite.

20191012_235152

Já no Porks existem nove opções de pratos, dois hambúrgueres, um sanduíche e o restante porções individuais feitas com porco. Os custos deles variam entre R$10 e R$18. Nós fomos de porções: Costelinha de Porco BBQ, Pururuca de porco crocante temperada com sal e lemon paper, Batatas Rústicas e Linguiça de pernil artesanal servida com limão à francesa. Estava tudo uma delícia!

porks

Para beber: Aqui é uma verdadeira perdição. Juntas, as casas possuem 22 biqueiras com diversas opções de chope mineiro. As opções podem coincidir de serem as mesmas ou não. Variam bastante de casa para casa até mesmo para termos mais opções. Ambas oferecem o chope da casa (produção própria), que é o mais acessível, uma pilsen a R$10 o copo de 400ml.

chopes mr hoppy

Os demais chopes variam de R$13 a R$18. Não são baratos, estão no preço normal cobrado em outros bares de BH.

Além dos chopes as casas contam com drinks vendidos por R$20 e R$25: Gin Tônica, Gin Tropical e Jack’n Coke.

20191012_210510

20191012_212627.jpg

Achei o ambiente super descontraído. Sentado ou em pé (como muitos gostam de ficar), deixe o tempo passar tomando um bom chope, ouvindo música de qualidade e colocando o pé na jaca da dieta!

Mr. Hoppy Beer e Burguer / Porks – Porco e Chope

Endereço: Praça Tiradentes, 41 – Funcionários
Belo Horizonte- MG
Instagram: @mrhoppypracatiradentes
@porks_pcatiradentesbh

Weird Barrel: um navio cervejeiro atraca

Preparados para entrar nesse navio pirata cervejeiro?

Weird Barrel

Então, bora para o Weird Barrel, que é a dica de hoje do Onde Beber Artesanal.

O WB é um brewpub da cervejaria Weird Barrel Brewing Co., localizado em Ribeirão Preto – SP. Nesse espaço, além do bar, fica a fábrica da cervejaria. Lá, eles fabricam o próprio chope e o serve fresquinho, direto dos tanques.

ribeirao preto

O local: O ambiente é bem legal, toda a decoração é voltada para o tema pirata.

navio pirata

A parede onde fica a fábrica tem um buraco quebrado, de propósito, onde dá para bisbilhotar parte da fabricação da cerveja (foto acima). O teto de madeira e outra parede quebrada fazem parte da decoração muito bem pensada.

O brewpub conta com um espaço interno e um deck amplo para os clientes sentarem e ficarem à vontade.

Weird Barrel 3

Weird Barrel brewpub

O esquema de pedir é modernão. Tablet na mesa, faça seu pedido pelo tablet que o garçom traz. O serviço é bem rápido.

cardapio

Na oportunidade, um dos atendentes me convidou para conhecer a fábrica. É pequena, mas super arrumadinha.

Weird Barrel chope

Para tomar: São 10 torneiras com chopes exclusivos da casa, que são servidos somente lá, nada de garrafa de vidro. É só chope e somente do tipo ale. As receitas são bem criativas. Tomamos a Bad Luck, uma Fruit Beer com morango, amora, framboesa e pintaga; a Pirate’s Flip, uma Session IPA com gengibre; a Fancy Burp, uma IPA; e a Naughty Grog, uma Black IPA envelhecida em barris de rum. Todos excelentes!
Os valores dos chopes de 473ml (pint) variam de R$14,90 a R$21,90.

chopes

Além dos chopes, têm drinks e uma torneira com água potável liberada.

Para comer: Tem muita gororoba neste navio. Tira-gostos, sanduíches e sobremesas. As porções são bem modestas, pelo que vimos, e os valores um pouco salgado. Como a gente estava “guardando o estômago” para um burgão da esquina, comemos apenas a porção de pururuca.

pururuca.jpg

cervejeira uai em ribeirao

Eu adorei conhecer esse navio diferentão. Voltaria fácil para tomar mais estilos diferentes.

Weird Barrel
Endereço: Rua Altino Arantes,1854
Ribeirão Preto, SP
Insta: @weirdbarrel

Beerstock Pub: Rock clássico e chope artesanal em um ambiente para todos

20190914_211057.jpg

A dica que vou dar hoje tem diversidade de chope para ninguém colocar defeito: o Beerstock Pub.

O pub tem um espaço muito bom, composto de diversos ambientes. Tem o espaço externo com mesas ao ar livre, que aceita pets, e tem um enorme espaço interno dividido entre área de jogos com sinuca, espaço kids e a parte principal onde ficam as mesas, o palco (onde bandas se apresentam às sextas e sábados), as torneiras, enfim, onde o pub acontece.

beerstock

20190914_212358.jpg

O local: É uma casa bem descontraída, com decoração voltada para os amantes de futebol e do rock.  O pessoal é bem animado. O estilo de música que dita o ritmo do pub é claro que é o rock e o pop rock.  É indicado para turmas, casais, jovens, adultos e para famílias também. Quando fui tinham muitas crianças que corriam e brincavam pela casa com liberdade. Achei bacana!

Para beber: Dá para se perder. São 20 torneiras com os mais diversos estilos de chope artesanal de cervejarias mineiras! Além de poder beber lá, você pode levar seu chope para a casa.  Os valores dos de 500 ml variam entre R$11 (Pilsen) a R$39 (NE Triple IPA). Achei salgadinho os preços, mas você paga por produto de qualidade excelente.

20190914_210527

O esquema lá é quase um self-service de chope. Pois você que tem que ir buscar o seu chope. Tudo é anotado na comanda e pago no final. O garçom só leva os petiscos.

Eu fiquei bem na dúvida de qual beber. Fui de Hop Lager, da Falke Bier; APA da Antön Beer; e Dry Stout, da Cervejaria Vinil.

chop beerstock

Além dos chopes, a casa tem, algumas long necks, drinks, vinhos, doses e bebidas não alcoólicas.

20190914_210226

Para comer:  O cardápio tem opções para todos os gostos.  As opções incluem pratos individuais e para compartilhar, entre carnes, espetos, petiscos, sanduíches e sobremesas. A batata frita é caseira (que ganham 100 pontos com a gente). Além da batata, pedimos o croquete alemão. Muito bom!

20190914_213919

20190914_222944.jpgA casa contém lojinha de suvenirs e itens cervejeiros como canecas, copos, growlers e camisas.

Adorei conhecer o pub, a recepção foi excelente, atendimento de primeira, assim como os chopes e os pratos. Já quero voltar!

Beerstock Pub
Av. Aggeo Pio Sobrinho, 20
Buritis, Belo Horizonte- MG
Instagram: @beerstockbh

Walfänger: Um pedacinho da Alemanha em Ribeirão Preto

A dica do Onde Beber Artesanal vai para Ribeirão Preto novamente.

Quer se sentir um pouquinho na Alemanha? Entre no brewpub da Cervejaria Walfänger e sinta-se à vontade!

cervejaria walfanger

A cervejaria é mais uma que entra no cenário das artesanais de Ribeirão Preto que só tem crescido na quantidade e na qualidade.

O local: O brewpub tem um espaço bacana, com uma decoração voltada para cultura alemã e cervejeira. Tudo muito bem pensado e bonito.

walfanger

São três ambientes: o interno, onde têm mesas para casal ou turma. Tem a varanda e também um espaço do outro lado da rua onde montaram um Biergarten, que é um jardim com mesas compartilhadas para reunir e divertir com os amigos e a família. É como se fosse um pedacinho da Alemanha mesmo, já que as cervejarias de lá tem muito espaço assim.

brewpub

biergarten

Na parte interna, também se encontra a fábrica da cervejaria, que dá para ser vista, já que a parede é de vidro.

fabrica de cerveja

A capacidade de produção da fábrica, hoje, é para até 60 mil litros/mês.

O atendimento é ótimo. Serviço rápido. Garçons atenciosos, que estão sempre dispostos a te indicar uma boa cerveja ou comida.

cervejaria walfanger

Para beber: São servidas somente autênticas cervejas de estilos alemães, claro, todas seguindo a Lei da Pureza e de fabricação própria.

walfanger2

São 6 tipos de cervejas, que são divididas em duas linhas: a Linha Clássica – com Doppel Bock, Weizen e a Helles –  e a Linha Trigênios – composta pela Albert (German IPA), Sebastian (Viena Lager) e Sigmund (Düsseldorf Altbier).

Elas são servidas em chope fresquinho direto da fábrica ou tem em garrafas. Os valores variam de acordo com o estilo. Os chopes de 500ml vão de R$11,90 a R$16,90 e as garrafas de 500ml vão de R$14,60 a R$23.

Pedimos a régua primeiro, para podermos ver qual escolher. Achamos todas muito bem-feitas e gostosas.regua walfanger

Vejam aí as nossas escolhidas para comermos com os tira-gostos.

chop walfanger

Para comer: Falando em tira-gosto, o cardápio é bem vasto. Com opções da culinária alemã, porém, com um toque bem brasileiro. Tem entrada, petiscos, saladas, pratos quentes, sobremesa e almoço nos finais de semana.

Quando você pede a cerveja, já vem com um pote de amendoim, inclusive tem uma máquina de self-service de amendoim para harmonizar com a sua cerveja.

amendoins - amindus

Como entrada pedimos o Pão de malte da casa. Muito macio e gostoso, servido com creme de queijo com ervas. Muito bom!

pão de malte

Depois, pedimos o Pilous de Porco, que são bolinhos de lombo de porco no espeto, temperado com mel, limão e gengibre. E vem com repolho roxo. O sabor é delicioso, porém, achei que passou um pouco do ponto, então ficou um pouco seco. Talvez, por isso, nem conseguimos comer tudo. Chega uma hora que não desce mais.

Tirando isso estava tudo muito bom e bonito! Muito bem servido.

pilous de porco

 

Para quem gosta de lembranças, a casa conta com uma lojinha com growlers, garrafas, copos, bonés da cervejaria para serem adquiridos.

Falando em growler, lá também funciona como growleria para que você encha o seu com seu chope preferido e leve para a casa.

Recomendo demais a casa. Adorei tudo por lá. E ainda daria uma sugestão, colocar músicas alemãs. Ia ficar excelente!

20190620_224448.jpg

Cervejaria Walfänger 
Rua Carlos Ribeiro de Souza, 115 -Bonfim Paulista
Ribeirão Preto  – SP
Instagram: @walfanger
Site: www.walfanger.com.br

#TBT: Kronenbourg 1664 – Catedral Metropolitana (Buenos Aires)

1664.jpg

O #tbt de hoje, apesar de ter sido um achado em Buenos Aires, é uma cerveja francesa: A 1664.

A Kronenbourg 1664 é uma das cervejas mais consumidas na França. É uma Standard American Lager da Brasseries Kronenbourg. Uma cerveja bem leve e refrescante, com presença de malte tanto no aroma quanto no sabor. Seu amargor é moderado.

O lúpulo utilizado na Kronenbourg é considerado o caviar dos lúpulos. Cultivado exclusivamente na região de Alsace, na França, desde 1885, este lúpulo proporciona baixo amargor e qualidades aromáticas.

kronenbourg.pngKronenbourg é o nome de um bairro histórico de Strasbourg (Cronenbourg), capital e principal cidade da região de Alsace no leste da France, perto da fronteira com a Alemanha. É neste bairro onde a cervejaria foi instalada no início do século XIX. Hoje, a Brasseries Kronenbourg é a maior marca de venda de cerveja em França e é uma das mais antigas do país.

Em 2008 o Grupo Carlsberg tornou-se proprietários da marca Kronenbourg 1664.


O ponto turístico escolhido para mostrar para vocês foi a Catedral Metropolitana de Buenos Aires, a principal igreja católica da capital Argentina.

catedral de buenos aires

Ela é bem bonita. Por fora, nem parece uma igreja, mas sim um templo grego. E, por dentro, é gigante.

20180411_141125

Ela está no mesmo lugar que foi escolhido pelo fundador da cidade, Juan de Garay, para construir a primeira igreja. O primeiro templo foi construído com materiais simples como madeira, barro e palha. Devido ao uso de materiais menos duráveis o templo sofreu seis reconstruções. A construção final começou em 1752.

Por conta de diversos problemas financeiros e com o novo projeto, a construção só foi completamente finalizada em 1852. Porém, os trabalhos de decoração continuaram por mais 50 anos.

catedral metropolitana

Nesta Igreja, fica o museu do Cardeal Jorge Mario Bergoglio Jr, mais conhecido hoje como Papa Francisco. Ele foi Arcebispo de Buenos Aires de 1998 até 2013, sendo que uma de suas funções era comandar a Catedral Metropolitana. Nesse pequeno museu ficam expostos diversos objetos ligados ao Papa.

catedral

Além disso, por lá está o mausoléu com os restos do General José de San Martin. Mmas não entramos. Estávamos muito cansados.

Estação Lift: Cerveja Artesanal na prainha de BH

A dica de hoje é beber artesanal na prainha mais gostosa de BH.

estacao lift

Eu falo da Estação Lift, um bar experimental da Cervejaria Lift.

O local: Tem um clima muito gostoso, onde a formalidade passa longe. Além da mesa compartilhada e do balcão que ficam na parte interna, o espaço conta com diversas cadeiras de praia para você ficar à vontade. Chegue, abra a sua cadeira de praia na calçada e desfrute daquele clima gostoso.

estação lift

Sentar na calçada é a sensação do Estação. O bar fica na principal avenida do bairro Anchieta, onde tem diversos bares. Então, daquela calçada você curte o clima do próprio bar, além de observar o que rola nos outros. Fora a brisa refrescante que bate por lá.

estacao lift

A música ambiente é bem diversificada, agrada a todos os públicos. Por falar em público, lá tem de tudo. Famílias, casais e grupo de amigos. Um bar para todos!

Falando nisso, o banheiro é unissex e tem uma luz colorida que fica piscando. Talvez seja para você não enrolar, dá uma sensação de “anda logo que vou apagar”…rs

O bar trabalha com cartão individual. Você chega, pega seu cartão e consome com ele. Não precisa colocar crédito (gostei disso), o esquema é o que for consumindo, vai sendo anotado no cartão. No final, é só devolvê-lo e pagar a conta. Ou seja, sem confusão para dividir conta depois que todos já beberam.

20190803_184030

Para beber: O bar conta com 11 torneiras com chopes artesanais próprios e de outras cervejarias mineiras. Tomamos algumas já conhecidas e as locais.

bar experiemental

Por falar em cerveja própria, tomei a Citra Limone, uma Saison com limão siciliano. Foi a primeira cerveja da Cervejaria Lift e foi feita em uma cozinha adaptada no cesto de um balão. Sim, ela foi feita no ar, em um balão.  Aqui tem o documentário que conta como foi essa experiência ousada: www.youtube.com/watch?v=zgI8qIC4zKc

cervejaria lift

Os chopes são servidos em 300ml ou 450ml em formato de copo lagoinha, além do growler de 1 litro, que pode ser consumido no local ou pode ser levado para casa. Há também cervejas de garrafa ou lata (poucas opções), além de dose/shots, drinks, espumante e vinhos.

Os valores não são os mais acessíveis, mas, pela região, é isso mesmo.

cervejas estacao lift

Ah, lá não tem garçom. Acabou de beber? Leve seu copo para o balcão.

Para comer: O cardápio, que aliás fica na parede com as bebidas, é bem simples. Conta com comidas como Mini Choripan, 2 Burguers diferentes e Bruschetta, além de algumas opções que lembram praia como: queijo coalho, batatas chips e o famoso Biscoito Globo das praias do Rio.

comidas estacao lift

20190803_184445.jpg

Eu adorei tudo do bar. As cervejas, a comida, o ambiente e o excelente atendimento do

Saimon!

Bora pegar uma prainha?

Estação LIFT
Rua Vitório Marçola, 203 – Anchieta
Horário: quarta à sábado, sempre a partir das 17h01
Instagram: @estacaolifit

Onde Beber Artesanal: Wäls Gastropub

wals gastropub

A dica de hoje para beber muita cerveja artesanal de qualidade e comer bem é o Wäls Gastropub!

Já fui na casa várias vezes, gosto muito de lá, da comida, das cervejas, do ambiente, enfim, tudo é bom!

◊ O local: Não é muito grande, portanto, é bom chegar com antecedência durante o almoço e no happy hour, já que está sempre cheio.

wals gastropub

20181204_181658

A Iluminação é baixa, dando um ar mais aconchegante para o local. A decoração é uma mistura de rústica com moderna, com vários itens da Wäls expostos e o que mais me chama a atenção: a chopeira.

20181204_181653

Existem três ambientes: O interno, que é composto por poltronas e cadeiras, mais adequada para turmas pequenas ou casais; o ambiente no espaço que é mais aberto, onde cabem mais mesas para a galera; e o parklet, um espaço feito pela prefeitura para ser usado pela população, porém, usado e mantido pelo bar) onde acontecem os shows ao vivo.

20181204_181729

20181204_181757.jpg

Percebe-se que é um ambiente para todos: famílias, amigos, casais, solteiros. Todos se divertem!

A programação da casa é composta por alguns dias com bandas e outros dias de promoções como: Happy hour toda segunda, terça e quinta, das 18h às 20h, com X-Wäls (lager), Session Citra (session ipa) e Verano (pale ale) a R$5,90 cada. Ou o RESET de quarta, com todos os chopes da casa saindo por R$7,90.

Precisa de mais para te convencer a ir lá?

◊ Para beber: Por lá, encontramos todos os estilos de cerveja da Wäls, alguns em chope (que varia de R$8,90 a R$13,90 – valores de 2019) e outros em garrafa (que varia de R$18 a R$30- 2019). Eu não vou nem listar aqui quais tomei, pois já tomei todas da Wäls, gosto de todas, aí vai depender do momento, da porção que vai pedir, ou o quanto quer gastar. Aí vão algumas que tomei.

 

Ah, para quem não conhece todas, recomendo pedir a régua (chamada de Flights por eles), que é uma tábua com seleção de 4 chopes diferentes de 200ml para degustação. Existem 3 tipos de Flights. Basta escolher qual tem os estilos mais parecidos com você.

20190517_123728

Outra coisa que é um sucesso na casa é o descanso de mesa (não sei como chama isso), aquele “papel” que fica nas mesas para não molhar etc. O da Wäls Gastropub tem uma imagem com diversos caminhos. Você escolhe o caminho do seu gosto por cerveja e começa pedindo a primeira cerveja daquele caminho, depois segue pedindo os chopes que estão naquele percurso. Isso é ótimo para quem não faz ideia de onde começar e quais cervejas pedir depois sem afetar o paladar. Alguns percursos são difíceis de completar…rs

20190517_123326.jpg

Além das cervejas, têm drinks com Wäls, drinks com outras bebidas alcoólicas, vinhos, espumantes, destilados e os não alcoólicos.

◊ Para comer: Se depender do cardápio deles, ficaria aqui até amanhã escrevendo. É muita opção. Tem: pratos para almoço, petiscos, sanduiches, tábuas harmonizadas, saladas, massas, risotos, peixes, carnes, caldos, pratos kids e sobremesas.

Seguem alguns:

 

Como eu falei, a casa é imperdível!

Mora em BH, ou está de passagem por aqui? Você não pode deixar de conhecer este lugar. É tudo muito bom. É a primeira casa da cervejaria em Belo Horizonte. Além dela, a Wäls tem o Ateliê Wäls que leva seu nome também. Veja aqui como foi minha experiência por lá.

20190521_125845

Cheers!

 Wäls Gastropub
Rua Levindo Lopes, 358 – Savassi
Belo Horizonte – MG
http://www.walsgastropub.com.br