La Bière HopCast comemora 2 anos no ar com cerveja e música boa

Por Déborah Arduini
@cervejeirauai

Produzido e apresentado por Gleison Silveira e Danilo Soares, integrantes da banda La Bière Breja Music, o La Bière Hopcast comemorou, no mês de maio, dois anos no ar.

Em 2020, durante a pandemia, quando muitos estavam em casa, isolados, carentes de um bom papo na mesa de bar com os amigos, Gleison e Danilo resolveram criar o HOPCAST com o propósito de conectar diversos universos e aproximar as pessoas. Desde então, há dois anos eles vêm cumprido com esse objetivo. Em um clima descontraído, como de uma mesa de bar, eles recebem, quinzenalmente, convidados de diversas áreas. Os principais temas abordados no podcast são música, cerveja, artes visuais, comunicação e business, sempre correlacionando com a cerveja, que é a maior paixão dos apresentadores.

Ao longo dos 54 episódios, os ouvintes puderam degustar entrevistas marcantes, enriquecedoras, interessantes, emocionantes e inéditas. Através do amplo conhecimento nos temas abordados, Danilo e Gleison conseguem tirar muitas histórias, conhecimentos e informações de seus convidados. É um momento de descontração, mas sem deixar de lado o conhecimento, reflexão e, algumas vezes, até a emoção. Para Danilo, o HOPCAST representa um grande e caloroso abraço de boas-vindas do mercado cervejeiro nas pessoas que gostam de cervejas especiais, mas não estão inseridas totalmente nesse universo. “É um convite à experimentação conjunta da apreciação musical e cervejeira. Além disso, o Hopcast é o portal da construção de amizades maravilhosas.”, fala Danilo.

Foto: Divulgação

O canal vem crescendo, ganhando cada vez mais adeptos e registrando bons números de audiência. Hoje, ele está presente nas principais plataformas de streaming como o Spotify, o Deezer, a Apple Podcasts, o Google Podcasts e o Amazon Music. Ao todo, o podcast soma, aproximadamente, 11.300 plays desde seu lançamento. Ele já foi ouvido em mais de 30 países e os seus ouvintes mais presentes estão no estado de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. Como resultado do bom trabalho, o HOPCAST já esteve no topo do ranking da Apple Podcasts na categoria “Entrevistas Musicais”. Os entrevistados que configuram na lista de top 5 do podcast são: Rogério Skylab, músico e ensaísta; Heitor Silva, embaixador craft do grupo Heineken no Brasil; Pri Colares, sommelière de cervejas e Marcelão, criador de mini-vídeos; Bia Amorim e Cilene Saorin, somelières de cerveja; e Felipe Vassão, produtor musical e compositor.

Com tantos números positivos, o canal passou a mostrar credibilidade e, hoje, conta com o patrocínio e apoio das empresas Part Comunicação, Escola Mineira de Sommelieria e Prussia Bier, além da contribuição de um grupo de apoiadores através da plataforma apoia.se/labierehopcast. Esse grupo é aberto para todos que queiram ajudar. São pré-estabelecidos valores que devem ser pagos mensalmente. Com isso, além de ajudar o projeto, o apoiador recebe recompensas. Gleison acredita que as pessoas que os apoiam estão ali não apenas pelas recompensas, mas pela possibilidade que têm de se expressar, interagir e fazer parte de um coletivo que busca construir e contribuir com algo positivo para a cultura através da cerveja e da música. “Nossos apoiadores trazem, de fato, uma possibilidade de nos reconhecermos, nos validarmos, nos inspirarmos e nos impulsionarmos juntos, como um time. Acredito que esse reconhecimento mútuo é o que motiva as pessoas a botarem suas fichas em um projeto que transpira devoção e entrega. Além de nos ajudar, eles têm alguns benefícios, que são ótimas ferramentas na construção dessa comunidade, principalmente os de valor quase intangível, como os contatos diretos que os apoiadores podem ter com os convidados e a possibilidade de participações diretas no programa. ”, ressalta Gleison.

Para celebrar momentos de conexões e comemorações, o La Bière Hopcast, em parceria com a Prussia Bier, lançou a Hopcast Lager, uma cerveja do estilo Hop Lager, aromática, leve, fácil de beber e de harmonizar com pratos e momentos. Ideal para acompanhar papos, playlists e ideias. A cerveja se esgotou rapidamente no e-commerce da cervejaria, porém algumas unidades estão sendo comercializada durante os shows da banda e sorteadas entre os apoiadores do programa enquanto houver estoque e enquanto aguardam uma nova produção.

Mas, a dupla não para por aí. O objetivo de Danilo e Gleison é expandir ainda mais com novos projetos envolvendo música e cerveja. Além de prosseguir com o trabalho iniciado no La Bière Breja Music, fazendo shows, e continuar com o podcast, a ideia deles é manter a gravação de alguns episódios de maneira presencial, o chamado La Bière ON TAP Fest e, ainda, promover um evento com identidade própria, o La Bière HopFest. Esse evento, que promete agitar os sedentos por cerveja, música e conhecimento, é um projeto que já está sendo estruturado e encaminhado para os acertos finais.

Sobre o La Bière Breja Music

O projeto La Bière Breja Music foi fundado em Belo Horizonte, em 2017, e conta com Gleison Silveira (percussões/voz) e Danilo Soares (voz/cordas).

Esses amigos decidiram unir duas grandes paixões: a música e a cerveja. Com músicas autorais que inserem, de fato, o universo cervejeiro no palco, a banda já fez, aproximadamente, 100 show. Os shows acontecem, em sua grande maioria, na capital mineira, Belo Horizonte. Além de outras cidades mineiras, eles já se apresentaram na cidade do Rio de Janeiro e em Belém.

Musicalmente, escolhem roupagens diferentes e criativas que vão além do Rock’n Roll. Eles somam pitadas de elementos brasileiros em músicas autorais e releituras como: “Garçom” (Reginaldo Rossi), “O Que Se Chama Amor” (Só Pra Contrariar), dentre outras. Sempre abordando de maneira moderna e natural a cultura cervejeira. Assim, a dupla criou o conceito “Breja Music – Músicas Para Beber”.

Além dos shows, a banda está inserida no cenário cervejeiro artesanal nacional. Através das redes sociais, eles promovem intercâmbios criativos com o mercado cervejeiro. Nas cervejarias locais, nos pontos de vendas como bares e empórios e nos locais/eventos de cultura cervejeira eles atuam prestando serviços como músicos e produtores de conteúdo.

Para ficar por dentro de todas as novidades, acompanhe a banda através das suas redes sociais linktr.ee/labierehopcast e linktr.ee/labiereoficial !

#TBT: Kronenbourg 1664 – Catedral Metropolitana (Buenos Aires)

1664.jpg

O #tbt de hoje, apesar de ter sido um achado em Buenos Aires, é uma cerveja francesa: A 1664.

A Kronenbourg 1664 é uma das cervejas mais consumidas na França. É uma Standard American Lager da Brasseries Kronenbourg. Uma cerveja bem leve e refrescante, com presença de malte tanto no aroma quanto no sabor. Seu amargor é moderado.

O lúpulo utilizado na Kronenbourg é considerado o caviar dos lúpulos. Cultivado exclusivamente na região de Alsace, na França, desde 1885, este lúpulo proporciona baixo amargor e qualidades aromáticas.

kronenbourg.pngKronenbourg é o nome de um bairro histórico de Strasbourg (Cronenbourg), capital e principal cidade da região de Alsace no leste da France, perto da fronteira com a Alemanha. É neste bairro onde a cervejaria foi instalada no início do século XIX. Hoje, a Brasseries Kronenbourg é a maior marca de venda de cerveja em França e é uma das mais antigas do país.

Em 2008 o Grupo Carlsberg tornou-se proprietários da marca Kronenbourg 1664.


O ponto turístico escolhido para mostrar para vocês foi a Catedral Metropolitana de Buenos Aires, a principal igreja católica da capital Argentina.

catedral de buenos aires

Ela é bem bonita. Por fora, nem parece uma igreja, mas sim um templo grego. E, por dentro, é gigante.

20180411_141125

Ela está no mesmo lugar que foi escolhido pelo fundador da cidade, Juan de Garay, para construir a primeira igreja. O primeiro templo foi construído com materiais simples como madeira, barro e palha. Devido ao uso de materiais menos duráveis o templo sofreu seis reconstruções. A construção final começou em 1752.

Por conta de diversos problemas financeiros e com o novo projeto, a construção só foi completamente finalizada em 1852. Porém, os trabalhos de decoração continuaram por mais 50 anos.

catedral metropolitana

Nesta Igreja, fica o museu do Cardeal Jorge Mario Bergoglio Jr, mais conhecido hoje como Papa Francisco. Ele foi Arcebispo de Buenos Aires de 1998 até 2013, sendo que uma de suas funções era comandar a Catedral Metropolitana. Nesse pequeno museu ficam expostos diversos objetos ligados ao Papa.

catedral

Além disso, por lá está o mausoléu com os restos do General José de San Martin. Mmas não entramos. Estávamos muito cansados.