O que é cerveja Puro Malte

Vamos falar de cerveja Puro Malte?

maltesSó para contextualizar, vou falar um pouco sobre o malte.

Ele não é um cereal em si.

Para se tornar malte, cereais como cevada, trigo, arroz e milho passam pelo processo de malteação. Esse processo é uma germinação forçada. Ao umidificar o cereal, ele começa a germinar. Assim que começa a germinar, essa germinação é cortada através de secagem. Aí surge o malte. Depois disso, o malte pode ser torrado, defumado, etc. E essa torrefação, defumação interfere nos aromas, sabores e cores da cerveja.

malte

Clique aqui para saber mais sobre a Coloração da cerveja.

A maioria das cervejarias artesanais utiliza maltes fabricados a partir da cevada e do trigo, pois possibilitam maior variedade de cervejas e sabores. Se quiser saber mais sobre o malte, clique aqui.

cervejeiros_maltarias

E o que é uma cerveja puro malte?

Já sabemos que a cerveja que segue a lei da pureza alemã usa em sua produção apenas os seguintes ingredientes: água, malte, lúpulo e levedura. Ou seja, se você ler no rótulo “Ingredientes: água, malte e lúpulo (não costumam falar da levedura), a cerveja é uma puro malte. Ela usa, em sua fabricação, 100% de malte como fonte de açúcar. Simples assim.

Quais não são puro malte?

São cervejas que usam quaisquer outros adjuntos cervejeiros, além dos 4 citados.

Alguns estilos de cervejas artesanais usam adjuntos como: Açúcares de diversas origens, corantes, ervas, frutas, flores, raízes e especiarias! Portanto, essas não são puro malte. Mas, nem por isso, elas não sejam de qualidade. Por isso, não podemos falar que só é boa a cerveja que é puro malte. Essas artesanais que usam adjuntos, não são puro malte e são de excelente qualidade.

ZEF_5204_BAIXAA polêmica mesmo fica por conta das cervejas de massa que não são puro malte pois usam, além do malte, cereais não maltados como fonte de açucares. Os cerais mais comuns utilizados são o arroz e o milho. Por isso, muitos a chamam de cerveja de milho.

A legislação brasileira permite isso. De acordo com as nossas leis, as cervejarias podem usar 45% de adjuntos para substituir o malte. E com base nessa lei, elas “deitam e rolam” e usam o limite de 45% de cereais não maltados, açúcares de cana, xaropes diversos, e os outros adjuntos já citados.

Diferente das cervejas artesanais, que usam os adjuntos para dar sabor, aroma e qualidade à cerveja, as cervejas de massa usam esses adjuntos por diversos outros motivos: Tornar a produção mais barata, deixando-a mais acessível ao público; acelerar a produção; encurtar o tempo de fermentação ou maturação; e deixar a cerveja mais leve.

Então é isso!

Não tem mistério. Usa somente malte como fonte de açúcar na produção? É puro malte!
Usa outros adjuntos além do malte? Não é puro malte!

E como falei, nem todas as puro malte são de qualidade duvidosa, como as artesanais que usam outros adjuntos.

Porém, nem toda PURO MALTE é garantia de qualidade, já que isso vai depender da forma como foi produzida, ingredientes utilizados e outras “artimanhas” que possam vir a comprometer essa qualidade!

Algumas puro malte, principalmente as que são produzida em largas escalas, usam aditivos que ajudam na conservação, já que as cervejas viajam para mais lugares e precisam de um tempo maior de validade. Portanto, antes de comprar uma cerveja, leia as letras pequenas do rótulo, não somente o que está em destaque na frente.

É complicado, é polêmico!

Mas, na dúvida, siga seu paladar. Como não dá para saber como foi fabricada e a procedência dos ingredientes, seu paladar vai falar para você se é boa ou não para ele.

Espero que tenha entendido e possa fazer melhores escolhas nas próximas comprinhas!

Loja da Fábrica Ouropretana: Um bar artesanal em meio a muita história

A dica para beber cerveja artesanal desta semana vai lá para Ouro Preto.

20181227_204429

Conhece a Ouropretana? Ainda não? É uma cervejaria de Ouro Preto/MG, fundada em 2011. Desde então, eles têm feito um excelente trabalho com cervejas de muita qualidade. A cervejaria produz, hoje, seis estilos de cervejas fixas, em garrafa e em chope, e produz também algumas receitas sazonais, todas elas sem adição de produtos químicos.

Em comemoração ao aniversário de 5 anos, em 2016, a cervejaria inaugurou a Loja da Fábrica Ouropretana, um espaço próprio, onde as pessoas podem degustar chopes da casa, provar tira-gostos bem mineiros (dão preferência para os regionais) e ainda levar produtos personalizados e exclusivos da Cervejaria Ouropretana.

20181227_215256

O local: A casa não é muito grande. Tem mesa compartilhada, mesa pra grupo de pessoas, para casais e balcão, pra quem gosta. O local é diversificado, frequentado por turmas de amigos, casais e famílias, como eu fui (levei meus pais desta vez).

Para beber: Tinham as cervejas da própria Ouropretana que são: Pilsen, Pale Ale, Amburana Brown Porter, Ginger IPA (feita com maracujá que é um sucesso por lá) e a Café Lager. Além disso, tem cerveja convidada. No dia era a Leuven. Experimentei algumas da Ouropretana e gostei de todas. Das tradicionais, o preço varia de acordo com o estilo e ml. 200Ml vai de R$4,90 a R$10,90, 300ml vai de R$5,90 a R$11,90 e a de 500ml vai de R$10,50 a R$18,50  Veja as fotos. Ah, pra quem não bebe cerveja tem vinho e espumante.

Para comer: Não é tão extenso o cardápio, tanto que é escrito na parede.

20181227_215059.jpg

Tudo parece tão bom, que a gente fica na dúvida do que pedir. Eles chamam de Tentativas de Delícias, que variam entre R$16 a R$35.

Dá ou não dá para ficar perdido? Claro que pedimos a famosa paçoca de carne, feita com carne seca. Que você come com a mão como um bom mineiro, ou na colher mesmo, se preferir. Além disso, comemos o Torresmo de Barriga, que é bem carnudo e vem com limão e geleia. E comemos também o bolinho de carne. As porções são bem econômicas, talvez seja assim para pedirmos mais opções. Tudo que comemos estava excelente!

Depois desse monte de cerveja boa e comida gostosa que falei, deu água na boca, não é mesmo? Já quero voltar em Ouro Preto!

Para quem ainda não conhece, é uma cidade deliciosa de passear e conhecer sua história. E, sabendo que tem bar exclusivo com chope artesanal, fica mais convidativa ainda!

20181228_154031

Gostou da dica? Vai lá no meu insta @cervejeirauai e comenta no post que dediquei à cervejaria.

20181227_214622
Selfie de papis 🙂

Loja da Fábrica Ouropretana
Rua Benedito Valadares, 250, bairro do Rosário
Ouro Preto/MG
www.ouropretana.com.br
@cervejariaouropretana

Onde Beber Artesanal: Wäls Gastropub

wals gastropub

A dica de hoje para beber muita cerveja artesanal de qualidade e comer bem é o Wäls Gastropub!

Já fui na casa várias vezes, gosto muito de lá, da comida, das cervejas, do ambiente, enfim, tudo é bom!

◊ O local: Não é muito grande, portanto, é bom chegar com antecedência durante o almoço e no happy hour, já que está sempre cheio.

wals gastropub

20181204_181658

A Iluminação é baixa, dando um ar mais aconchegante para o local. A decoração é uma mistura de rústica com moderna, com vários itens da Wäls expostos e o que mais me chama a atenção: a chopeira.

20181204_181653

Existem três ambientes: O interno, que é composto por poltronas e cadeiras, mais adequada para turmas pequenas ou casais; o ambiente no espaço que é mais aberto, onde cabem mais mesas para a galera; e o parklet, um espaço feito pela prefeitura para ser usado pela população, porém, usado e mantido pelo bar) onde acontecem os shows ao vivo.

20181204_181729

20181204_181757.jpg

Percebe-se que é um ambiente para todos: famílias, amigos, casais, solteiros. Todos se divertem!

A programação da casa é composta por alguns dias com bandas e outros dias de promoções como: Happy hour toda segunda, terça e quinta, das 18h às 20h, com X-Wäls (lager), Session Citra (session ipa) e Verano (pale ale) a R$5,90 cada. Ou o RESET de quarta, com todos os chopes da casa saindo por R$7,90.

Precisa de mais para te convencer a ir lá?

◊ Para beber: Por lá, encontramos todos os estilos de cerveja da Wäls, alguns em chope (que varia de R$8,90 a R$13,90 – valores de 2019) e outros em garrafa (que varia de R$18 a R$30- 2019). Eu não vou nem listar aqui quais tomei, pois já tomei todas da Wäls, gosto de todas, aí vai depender do momento, da porção que vai pedir, ou o quanto quer gastar. Aí vão algumas que tomei.

 

Ah, para quem não conhece todas, recomendo pedir a régua (chamada de Flights por eles), que é uma tábua com seleção de 4 chopes diferentes de 200ml para degustação. Existem 3 tipos de Flights. Basta escolher qual tem os estilos mais parecidos com você.

20190517_123728

Outra coisa que é um sucesso na casa é o descanso de mesa (não sei como chama isso), aquele “papel” que fica nas mesas para não molhar etc. O da Wäls Gastropub tem uma imagem com diversos caminhos. Você escolhe o caminho do seu gosto por cerveja e começa pedindo a primeira cerveja daquele caminho, depois segue pedindo os chopes que estão naquele percurso. Isso é ótimo para quem não faz ideia de onde começar e quais cervejas pedir depois sem afetar o paladar. Alguns percursos são difíceis de completar…rs

20190517_123326.jpg

Além das cervejas, têm drinks com Wäls, drinks com outras bebidas alcoólicas, vinhos, espumantes, destilados e os não alcoólicos.

◊ Para comer: Se depender do cardápio deles, ficaria aqui até amanhã escrevendo. É muita opção. Tem: pratos para almoço, petiscos, sanduiches, tábuas harmonizadas, saladas, massas, risotos, peixes, carnes, caldos, pratos kids e sobremesas.

Seguem alguns:

 

Como eu falei, a casa é imperdível!

Mora em BH, ou está de passagem por aqui? Você não pode deixar de conhecer este lugar. É tudo muito bom. É a primeira casa da cervejaria em Belo Horizonte. Além dela, a Wäls tem o Ateliê Wäls que leva seu nome também. Veja aqui como foi minha experiência por lá.

20190521_125845

Cheers!

 Wäls Gastropub
Rua Levindo Lopes, 358 – Savassi
Belo Horizonte – MG
http://www.walsgastropub.com.br