A diferença entre gosto e sabor

Você sabia que falar de gosto não é a mesma coisa que falar de sabor?

O quê???

Sim. Gosto é diferente de sabor.

Eu falo isso porque a gente vê algumas resenhas e opiniões sobre cervejas falando de gosto ou sabor sem distinção, como se fossem a mesma coisa (eu mesma fazia isso e ainda tenho dificuldade em falar o correto na hora certa).

Então vamos lá!

Gostos existem apenas cinco: doce, salgado, azedo, amargo e umami (difundido na cozinha oriental, encontrado também no tomate), que podem ser identificados pelo sentido do paladar, ou seja, a responsável por senti-lo é a língua. Gosto é exatamente aquilo que sentimos quando a bebida/comida entra na boca.

papilas-gustativas-797392141

Já o sabor é uma mistura de sensações mais complexa, pois envolve mais de um sentido. Para sentir o sabor é necessária a combinação do gosto (paladar) com o aroma (olfato) de um alimento. O sabor já começa quando sentimos o cheiro. 80% do sabor depende do seu nariz. Por isso, quando você está gripado, não consegue saborear nada com prazer.

10-curiosidades-sobre-a-cerveja

Alguns especialistas ainda completam dizendo que, além do aroma e do gosto, faz parte do sabor, também, a sensação, que seria o tato. A textura pode modificar a forma de sentirmos o sabor.

Portanto, o sabor é a interpretação que nosso cérebro faz de todas essas sensações ao mesmo tempo.

Exemplos de sabores da cerveja: Frutado (frutas vermelhas, frutas escuras, frutas tropicais), Caramelo, Chocolate, Toffe, Pão, Mel, Ervas, Limão, Capim e por aí vai…

Para fazer um teste simples para entender as diferenças entre sabor e gosto, especialistas indicam fazer o seguinte:

menta_1024x1024

– Pegue uma bala de hortelã / Tampe o nariz / Coloque a bala na boca e permaneça com o nariz tampado.

Quando a bala é colocada na boca com o nariz tampado, é possível sentir apenas o gosto doce.

– Após alguns segundos destampe o nariz

Quando o nariz é destampado, além do gosto doce, é possível sentir o sabor da bala, neste caso de hortelã, através da interação entre o paladar e o olfato.

Então é isso, minha gente.

Gosto é gosto, sabor é sabor, aroma é aroma, textura é textura.

Não vai esquecer disso da próxima vez que for falar sobre alguma cerveja que esteja tomando, hein?!

Até!

O corpo da cerveja

Considero o tema “Corpo da cerveja” voltado mais para especialistas, como um sommelier que sabe fazer análise sensorial. Como esse blog é voltado mais para aqueles que vão do iniciante ao intermediário, pensei em não abordar esse assunto.

Porééém, resolvi falar sobre o tema pois, quem não tem especialização, fica perdido ao ver algumas análises sobre cerveja falando do tal do corpo da cerveja, que ela tem o corpo baixo ou que ela é encorpada etc e não entende nada. Vou tentar ser mais breve e didática possível, ok? Ok!

Vamos lá!

O corpo da cerveja é o “peso” que o líquido faz na sua língua. É a sensação pesada ou não que a cerveja dá ao entrar em contato com a boca.

caldereta

A cerveja pode ter:

⇒Corpo baixo/leve ou pouco corpo: São aquelas que não pesam na boca. Sai do copo e cai na língua mais suave. Lembra a textura de uma água.  Um exemplo são as Pilsen.

weiss

⇒Corpo médio: Obviamente são as intermediárias, não são tão leves, mas também não são pesadas. Lembra a textura de um suco de laranja. A exemplo das Weiss.

tulipa.jpg

⇒Corpo alto, muito corpo ou encorpadas: Essas têm uma textura mais viscosa. Elas pesam a língua quando saem do copo para a boca e demoram um pouco mais para descer. Lembram a textura de um licor ou iogurte. Quando são muito pesadas, os especialistas costumam falar que elas são licorosas. Um exemplo é o estilo Barley Wine. Amooo!

⇒Corpo seco: Como o nome já diz, são aquelas que dão uma sensação de secar a língua. Algumas chegam até travar… :). Um exemplo de estilo são as Saisons e Session Ipa.

Lembrando que o corpo também não tem nada a ver com o teor alcoólico ou a cor. Um exemplo é acharem que toda cerveja escura é encorpada. Não!!! Veja o estilo Dunkel, que é uma cerveja escura e tem o corpo leve. Já uma Doppelbock, que também é escura, porém encorpadíssima. Desce até quente!

dunkel     doppelbock-beer
Dunkel                Doppelbock

É uma questão de prática, ou seja, beber bastante cerveja diferente, para perceber com facilidade se a cerveja tem um corpo leve, médio ou se ela é encorpada.

Depois me conte, se essa explicação ajudou!